Padrão da Raça

ImprimirE-mail

(De acordo com  American Kennel Club - AKC)


O Golden Retriever é um cão simétrico e equilibrado em suas proporções. Forte, ativo e com estrutura sólida , nem curto nem longo nas patas. Mostra expressão cordial e tem personalidade vivaz, segura e confiante.

O conjunto harmônico, a forma como se desloca em trote (gait),  e  a funcionalidade de sua estrutura como cão de caça, são os fatores mais importantes para avaliar a qualidade do animal. 

Obediente e com  inteligência aguçada , foi classificado por Stanley Coren como a quarta raça em inteligência. Muito observador, associa causa e efeito com rapidez.

ALTURA

•    Machos:  23 a 24 polegadas ( 56 a 61 cm)  de altura na cernelha
•    Fêmeas: 21,5 a 22.5 polegada ( 51 a 56 cm)  de altura na cernelha

Qualquer desvio destas medidas em ATÉ  2.54 cm ( 1  polegada)  será penalizado. Desvio de mais de uma polegada dever ser desqualificado

 

PROPORÇÕES

•    A distancia entre a ponta do esterno e a nádega ( ísquio)  é um pouco maior que a altura do piso a cernelha, numa  relação 27/30 cm ( 11/12 polegadas)

 

PESO

•    O peso oscila entre 29,5 a 35 kg

 

CABEÇA

•    Crânio largo e levemente arqueado na direção lateral (orelhas) e longitudinal (occipital)  se inserindo suavemente no pescoço.
•    Ângulo crânio- nasal (“stop”)  bem definido
•    O focinho se vê mais largo no ângulo craneo-nasal do que na ponta
•    Não há sobra de peles nos lábios

 

OLHOS

•    Amistosos e inteligentes
•    Meio grandes com bordas escuras, bem separados e não protuberantes
•    Cor marrom escuro e nunca devem ser mais claros que o pelo.Quando o cão olha de frente não se vê nada branco

 

DENTES

•    Mordida ( “bite”)  em tesoura, com os incisivos inferiores tocando a parte inferior dos superiores


NARIZ

•    Negro ou marrom escuro. Admiti-se um matiz mais claro no inverno ( falta de sol).

Nariz da cor de carne se  deve desclassificar.

ORELHAS

•    Mais para curtas, devem descer retas e paralelas a cabeça.
•     Pontas arredondadas abaixo da mandíbula
•    A borda dianteira bem junta a cabeça e precisamente em cima do olho
•    A borda traseira um pouco abaixo do olho

A colocação baixa das orelhas (como os sabujos) se penaliza

PESCOÇO

•    Comprimento médio, enviesado para trás,  com aspecto forte e natural.
•    Nenhum excesso de pele solta na garganta ( barbela)

 

CORPO

•    Bem equilibrado com dorso nivelado  e  profundo ( até o coração),  lombo  curto e musculoso e  com cintura pouco marcada
•    Largura do peito deve  ter, pelo menos,  uma mão (incluso o polegar)  de distancia entre as pernas
•    Caixa toráxica profunda e arqueada ( sem no entanto dar o aspecto de barril)
•    Linha superior horizontal (da cernelha até a anca), parado ou em movimento.

Se penaliza as costas fracas ( espinha dorsal côncava ou convexa),  a falta de profundidade na parte dianteira do peito e entre as patas, a cintura estreita.


ANTERIORES ( HINDQUARTER)

•    Bem coordenados com os posteriores,  movimentação fluida e  bem articulada  .
•    Escapulas  longas que mostrem um ângulo de 90 graus com o braço superior (úmero).
•    Membros  retos  com bons ossos
•    Metacarpo curto  e forte algo inclinado para frente sem sugerir debilidade

POSTERIORES ( FOREQUARTER)

•    Joelhos bem definidos ( angulação entre o femur e a pelvis de 90 graus)
•    Membros posteriores retos  quando visto por trás

Se penaliza os jarretes  de vaca, voltados um para o outro em forma de foice  ou ao reverso (para fora).

 

PÉS

•    De tamanho mediano, redondos e compactos ( se pode recortar o pelo para se ver melhor o perfil).
•    Desaprova-se pés com dedos espaçados  ou  achatados.

 

CALDA

•    Bem inserida e que siga a linha  natural do dorso.
•    Seu comprimento se estende até o jarrete sem curvatura na ponta.

 

PELO

•    Denso  com dupla camada ( pelo e sub pelo) funcionando o sub pelo como camada de proteção às intempéries ( água, frio etc)
•    Textura não tão dura como a de um cão de pelo curto,  nem sedosa como a de um setter. Permanece aderente ao corpo e pode ser liso ou ondulado.
•    Pelos mais volumosos e compridos ( franjas)  na frente, na parte anterior dos membros dianteiros e traseiros e na calda.  Estes podem ter tom mais claro que o pelo, dando aspecto de degradé

COR

•    A cor pode ser qualquer tonalidade de dourado ou creme.
•     Vermelho e mogno não são desejáveis.
•    Se permitem alguns pelos brancos nas costelas, se penalizam as demais marcas brancas.

MOVIMENTAÇÃO

Quando trotando a passada (gait) é larga, fluente, suave e bem coordenada ( membros posteriores e anteriores se movimentam em planos paralelos ao tronco)

DESCLASSIFICAÇÃO

•    DESVIO NA ALTURA PADRÃO DE MAIS DE  DE  UMA POLEGADA
•    MORDIDA  COM OS INCISIVOS INFERIORES SUPERPOSTOS AOS SUPERIORES . Não confundir com dentes desalinhados.


NOTA

Os machos devem apresentar os dois testículos descidos e bem acomodados na bolsa escrotal,

Competição/Podium
Galeria de Fotos
Banner
Contador
91810 Visitantes